quinta-feira, 25 de agosto de 2011

Há tanto pranto
sem riso.
Há tanto encanto
sem canto.
Há tanta calma
sem espanto.
Há tanto corpo
sem alma.

E daí?

Marilza Bueno

2 comentários:

  1. Marilza, gostei muito da sua poesia.bjs

    ResponderExcluir
  2. Ola...
    Hoje passando apenas
    Para desejar uma ótima noite!!!
    Depois volto a visitar com um
    Pouco mais de tempo!
    Bjks

    ResponderExcluir